Em que mundo cê vive, parça?

35207970680_5e5d5f389b_z

Mais de 70 pessoas prestigiaram o debate (Thiago Brito/ESPM)

O que é ser jovem no Rio de Janeiro? Há várias formas possíveis de se responder a essa pergunta. Uma delas é por meio da arte, como fizeram participantes da edição do Rio de Encontros realizada no último dia 22 de junho. Através da poesia, eles responderam o que é viver espremido entre o mar e a montanha junto a mais de seis milhões de pessoas em uma das maiores cidades da América do Sul. Confira abaixo alguns dos textos:

O Rio cartão postal!
Por Daniel Sant’Anna

O meu Rio é do Redentor do Pão de Açúcar?
Copacabana é a Princesinha do Mar?
O meu Rio é dos peixes mortos na Lagoa?
Ou do esgoto da Baixada?
O meu Rio é da garota de Ipanema, do baixo Leblon ao Joá?
O meu Rio é ou não o Rio do cartão postal?
O meu Rio é da padroeira da Penha, da pele negra dos boêmios de Irajá.
O meu Rio é de gente humilhada? Sem ter o que comer sem ter onde morar?
O meu Rio é da pelada no campo, pagode na esquina cerveja no bar?
O meu é do moleque de rua que rouba de dia e morre de madrugada?
O meu Rio é da molecada com prancha, parafina, livro na mão e chuteira no pé!
O meu Rio é ou não é o Rio do cartão postal?
Bala perdida tem endereço certo Ibope na TV.
Sequestro, tráfico e violência, tudo a crescer.
Crianças sem escolas, crianças pedem esmolas, crianças sem comer …
Mas tudo isso eu já sei …
Sempre foi usado em campanha por vocês…
São mais de 500 anos de absurdos gloriosos,
Apartheid Social, exploração.
Mas o Rio é ou não é a cidade do cartão postal?

Em que mundo cê vive, parça?
por Taís Nascimento

A palavra “juventude” vem matutando na minha cabeça há umas 4 semanas.

Quando penso nela, já vem logo a ideia de indivíduos com determinada idade, a maioria ouvinte das gerações POP atual etc… (dei risadas longas ao escrever isso).

Apesar da ideia estereotipada acima, o que me vem à cabeça, após alguns minutos de reflexão, é que juventude vai além da idade, tem muita ligação com estado
de espírito etc…

Todavia, quando penso na relação: juventude X cidade, são horas de reflexão…

Para começo, pensei nas memórias artísticas que estampam quase todas as paredes da nossa cidade, muitas delas jovens, protestantes e com muita força.

Não sei por que, mas toda vez que penso em cidade e em juventude, uso a arte como uma forma de conectá-los.

Hoje pela manhã, diferente dos outros dias, não me limitei apenas a ficar com a cabeça baixa olhando pro meu celular, decidi olhar pro lado de fora do ônibus.

Acredito que existe uma diferença imensa entre estar vivo e se sentir vivo, e hoje, o que senti foi um misto de me sentir viva e pequenininha dentro dessa cidade tão
grande.

Ao notar, perceber, observar, cada detalhe dos lugares, vi coisas pela primeira vez em lugares por que passo a minha vida toda; inclusive uma frase que li numa
parede, me fará concluir minha nota diária: “Em que mundo cê vive, parça?”

Pensei na pergunta por horas e, pela primeira vez, desnaturalizei-a, respondendo a mim mesma que vivo num mundo onde existem milhares de detalhes e onde cada
lugar tem uma mensagem a passar. Mas o que não para de matutar na minha cabeça é que existe arte por toda parte.
As cidades falam por si sós, através das vozes que nela habitam.

Juventude X Cidade 
por Taís Nascimento

Juventude não tem só relação com
idade
Existem jovens de coração,
Espíritos que já passaram da terceira
idade
E, ainda mais importante que
faixa etária,
tem gente que já viveu tanto
e não conhece a própria
cidade.

Conhecer a cidade
é também
Se conhecer
Saber de onde veio
Aonde vai
Onde ocupa.

Não adianta fugir da sua
Pois logo estará em outra
cidade
Estamos ‘nela’
E ela está na nossa
“IDENTIDADE”

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s