Cineclube ESPM Rio exibe curta Samba e silêncio

20170721_203901

Samba e silêncio: curta de linguagem simples é uma viagem pelo universo das relações humanas (Reprodução/YouTube)

Qual o peso de quem conta uma história? Esses e outros pontos foram debatidos na 2ª sessão do Cineclube ESPM Rio em parceria com o Rio de Encontros. Realizado no último dia 13, o evento apresentou à turma o curta Samba e silêncio, filmado pela diretora Bianca Martino em 2014.

No filme, dona Cida é mãe de um jovem que volta ao lar após uma noite fora de casa. O reencontro e a consequente discussão entre os dois disparam uma série de acontecimentos que colocam em primeiro plano a questão da presença. Nesse sentido, o título da obra é um achado, por traduzir com precisão o que se passa na tela. Com uma linguagem enxuta e menos de 10 cenas, o curta é uma pequena viagem pelo universo das relações humanas – sejam elas as da mãe com o mundo, as da mãe com o filho e as de ambos com o passado, que uma música se encarrega de tornar presente.

O fato do filme abordar uma família negra chamou a atenção da turma 2017 do Rio de Encontros. Na conversa logo após a exibição, muitos alunos destacaram esse ponto e as questões que ele envolve como o destaque da obra e criticaram a ausência de negros no cinema. “O preconceito vem muito de cima e ainda é muito sutil. Filmes como esse ainda são uma exceção”, afirmou Davi Marcos.

Veja abaixo o curta Samba e silêncio, de Bianca Martino:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s